Brasil | United States | Deutschland | International
Test Interfaces for Power Systems

FTS / FTP

O bloco de testes FTS foi concebido para interfacear equipamentos instalados em painéis de subestações (relés de proteção, oscilógrafos, medidores de faturamento, . . . ) aos transformadores de tensão e corrente e disjuntores no pátio da mesma subestação.

O pente de testes FTP é codificado para o modelo correspondente de bloco FTS. Quando inserido no bloco correspondente, o pente FTP isola galvanicamente os equipamentos do painel dos equipamentos do pátio. Após a isolação, pode-se efetuar a injeção de sinal secundário por meio de receptáculos para pinos banana na parte frontal do Pente de
  • Segurança para o operador Ausência de partes metálicas expostas, tanto no Bloco de Testes como no Pente de Testes.
  • Prevenção de erros Os Pentes de Testes são codificados de forma a permitir a inserção somente no Bloco de Testes correspondente, prevenindo desta forma erros durante a realização do teste.
  • Inserção / Remoção "a quente" A construção dos Pentes de Teste impede contato elétrico entre a maleta de testes e os transformadores de tensão e corrente durante a inserção ou remoção do pente no bloco, permitindo o teste de relés de proteção sem que a instalação necessite ser desenergizada.
  • Sequenciamento de abertura / fechamento Quando um pente de testes FTP é inserido em um bloco FTS, os contatos são abertos de acordo com uma sequência pré-definida: contatos de trip abrem antes dos contatos de correntes e tensão, prevenindo a operação espúria do disjuntor associado à instalação.
    Quando o pente de testes FTP é removido do bloco, os contatos são fechados na sequência inversa, com os contatos de trip sendo os últimos a voltar ao estado normal.
  • Resistência interna menor que 2 mΩ Graças à uma tecnologia patenteada, os blocos de testes FTS possuem baixíssima resistência interna. Isto reduz o carregamento dos transformadores de medição, bem como diminui a dissipação de calor no interior do painel.
  • Grande variedade de modelos Os blocos de testes FTS são oferecido em configurações com 8, 10, 12, 14, 16, 18 ou 20 polos, com qualquer combinação de correntes, tensões, sinais ou trips. A identificação dos terminais (símbolos e cores) pode ser adaptada às práticas já adotadas na instalação. O bloco que sua aplicação exige já existe ou pode ser facilmente adicionado pela Secucontrol.
Circuito Fechado O estado de repouso dos contatos do bloco de testes FTS é normalmente fechado. Nesta situação, os sinais de campo (lado A) estão conectados por meio das molas planas internas aos equipamentos do painel (lado B).
Circuito Aberto Para abertura dos contatos do Bloco de Testes, o Pente de Provas FTP é inserido no bloco de testes. Nesta situação, os equipamentos do painel estão isolados dos equipamentos de campo.
Injeção de Sinal Com o pente de testes inserido no bloco, pode-se injetar sinal nos equipamentos do painel por meio dos receptáculos para pinos banana existentes na parte frontal do pente de testes.
Maleta para Pontas de Testes FTP
Maleta rígida para armazenamento seguro de pontas de prova FTP.


Ponta de Prova de Corrente
Ponta de prova que permite a inserção de um amperímetro em série com um transformador de corrente durante a operação. O cabo de conexão possui 3 metros de extensãoe bitola de 2.5mm com duas opções de terminas: Gancho para aparafusamento ou pinos banana.
← Click no elemento para adicioná-lo a sua configuração
← Click no clip/etiqueta para configurá-la
← Click na parte inferior do elemento para deletá-lo

Elementos Disponíveis


- ou -

Digite o Código do Produto



Configuração

Alterar clipagem




Cor: